DestaquesPolícia

Roca Sales: Réu é condenado a 18 anos de prisão por matar um e ferir outro com golpes de faca

Participe do Canal do Força do Vale no WhatsApp

Claudiomiro da Silva foi condenado na tarde desta terça (23) por matar um homem e ferir outro com golpes de faca em uma madrugada de festa, nas proximidades do Bailão do Ramos em Roca Sales, no ano de 2017.

As provas apresentadas, colhidas pela Brigada Militar no momento da ocorrência, de acordo com a Juíza da Comarca de Encantado Jacqueline Bervian, foram determinantes para elucidar o crime. 

“A Brigada Militar [de Encantado] teve uma atuação espetacular, ainda que não tivesse policiamento disponível em Roca Sales naquela noite, chegou muito rapidamente ao local, prestar assistência à vítima ainda com vida, que infelizmente veio a falecer no Hospital, encaminhou [o outro homem ferido] também ao Hospital e reuniu alguns elementos de provas para elucidar esse crime.”

Dentre as provas, o tênis e a jaqueta vestida pelo réu, sujas com o sangue da vítima, confirmado posteriormente pela Perícia, além da faca utilizada no homicídio e material genético da vítima encontrado sob as unhas do réu, que foi preso a 200 metros do local do fato.

O réu já cumpriu quatro anos da pena fixada em 18 anos, inicialmente sem progressão de regime.

A Juíza Jacqueline Bervian agradeceu aos policiais da Brigada Militar, Polícia Civil e Susepe pelo empenho nas operações. Segundo a Juíza, o reconhecimento é de todo o Poder Judiciário encantadense.

O crime

(Reportagem do Jornal Força do Vale em 16/06/17)

O que era para ser outra noitada de festa acabou em tragédia no tradicional endereço de bailões em Roca Sales, com um homem morto e outro ferido a golpes de faca na madrugada do domingo, 11 de junho de 2017. Conforme o registro realizado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Lajeado, por volta das 3h10min da madrugada, a Brigada Militar de Encantado foi chamada para atender a ocorrência de desentendimento em que havia sido utilizada faca nas proximidades do Bailão do Ramos, no centro de Roca Sales. 

Ao chegar ao local os policiais militares encontraram ferido e caído próximo à escadaria que dá acesso aos trilhos de trem, Leonir Pedrinho de Ávila (53), que era morador de Roca Sales. Ele tinha diversos golpes de faca. A BM chamou o Samu que encaminhou a vítima ao HBST, hospital de referência, em Encantado, mas devido a gravidade dos diversos ferimentos não resistiu e faleceu.

Conversando com as pessoas que estavam no local os policiais foram informados sobre a autoria das facadas e foram em busca do suspeito. A 200 metros do local eles avistaram Claudiomiro da Silva, 36, e através da descrição das roupas julgaram tratar-se do suspeito e o abordaram. Ele estava com uma faca na cintura, as roupas com sangue e com um ferimento no nariz.

Ao retornarem ao Bailão do Ramos, local dos fatos, os policiais militares foram informados de que havia outra vítima. Eduardo Severo, 25 anos, morador de Imigrante, havia sido ferido a facadas. Ele foi encaminhado para atendimento no hospital de Roca Sales. Segundo os familiares a vítima e o autor das facadas eram amigos, jogavam bochas juntos, e teriam ficado sabendo

através de testemunhas, que Leonir teria tentado defender uma vizinha que estava sendo convidada para dançar, mas não queria. “O meu pai levou 17 facadas, muitas nas costas,” lamentou o filho.

Agro Dália

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fale conosco!